Corretoras da Bolsa Brasileira de Mercadorias se destacam em leilões da Conab

Para esta semana, a estatal publicou novos avisos de compra para leilões de arroz, feijão e produtos diversos
Por BBM/Foto: acervo Conab
15/12/2020

Corretoras da Bolsa Brasileira de Mercadorias se destacam em leilões da Conab

Para esta semana, a estatal publicou novos avisos de compra para leilões de arroz, feijão e produtos diversos
Por BBM/Foto: acervo Conab
15/12/2020

Em uma nova rodada de leilões, a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) adquiriu na última semana, em leilão de compra, produtos diversos para compor cestas básicas destinadas a diferentes regiões do país. Foram negociadas quantidades expressivas de feijão, arroz, leite, fubá de milho, flocos de milho, farinhas, açúcar, macarrão e óleos.

 

As corretoras da Bolsa Brasileira de Mercadorias arremataram 39% do total adquirido, no valor de R$ 60.936.702,00, destacando-se, principalmente, nas compras de feijão, arroz e leite. A Bolsa Brasileira de Mercadorias tem tradição nos leilões da Conab há mais de 20 anos, com ampla participação.

 

Para esta semana, a estatal publicou novos avisos de compra para leilões de arroz, feijão e produtos diversos. As negociações estão marcadas para ocorrer na quinta-feira (17), de manhã. Devem ser adquiridas para composição das cestas, 1,7 milhão de latas de óleo de soja, 1,7 mil toneladas de macarrão, 1,7 mil t de leite em pó integral, 214 t de farinha de trigo enriquecida, 3,4 mil t de açúcar cristal, 3,2 mil t de farinha de mandioca seca/média, 1,4 mil t de flocos de milho, 314 t de fubá de milho enriquecido, 6,8 mil t de feijão e 17 mil t de arroz.

 

As aquisições são feitas por meio de leilões eletrônicos e fazem parte da Ação de Distribuição de Alimentos (ADA), atividade contínua da Conab realizada com recursos do Ministério da Cidadania (MC) para atender populações em situação de insegurança alimentar e nutricional. Também ocorreu, já nesta terça-feira (15), a compra do material para confecção das cestas, incluindo 26,9 mil unidades de fita adesiva e 1,7 mil embalagens capas de fardos, em polietileno, transparentes, novas, sanfonadas.

 

Para reforçar ainda mais a iniciativa, na última sexta-feira (11), o Governo Federal liberou, por meio de Medida Provisória (MP), novos recursos para serem usados em atendimento a populações que se encontram em situação de insegurança alimentar e nutricional. Do montante previsto de R$ 228 milhões, um total de R$ 218 milhões será utilizado pela Conab para a compra de alimentos e, posteriormente, formação de cestas básicas.

 

Os alimentos adquiridos serão enviados para os seguintes estados: Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Pernambuco, Paraná, Rio Grande do Norte, Roraima, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Tocantins e Distrito Federal.

 

 

Clique aqui para saber mais sobre os Avisos de Compra Pública Nº 156 a 167/2020, relativos às aquisições no âmbito da ADA.

 

Últimos Posts