Destaque

OUT. 29, 2018

Bolsa Agro recebe ofertas de sete estados no primeiro mês de funcionamento

O aplicativo de compra e venda de produtos e serviços agrícolas da Bolsa Brasileira de Mercadorias entrou em funcionamento no mês de setembro e, de lá pra cá, já recebeu ofertas de produtores, cooperativas e tradings de diferentes partes do Brasil. Vendedores de sete estados cadastraram produtos como: milho, arroz, trigo, sorgo, algodão e café.

 

O corretor Giuliano Ferronato da Corretora Mercado, do Rio Grande do Sul, já aderiu ao novo serviço e está intermediando a venda de trigo de um produtor de Cascavel (PR). “É um sistema moderno, eficaz e de grande abrangência e funciona de forma simples e fácil. E o mais importante: na palma da mão”, resume Ferronato.

 

A ferramenta deverá contar com a expertise e o intermédio de mais de 130 corretoras associadas à Bolsa, localizadas em diferentes regiões do país. A maior rede de corretoras do Brasil possui mais de quinhentos operadores acionados. Priorizando também a segurança dos usuários, o negócio realizado a partir de um anúncio no app tem registrado na Bolsa e conta com o amparo da Câmara Arbitral, órgão responsável por dirimir e solucionar dezenas de casos ao longo de seus dez anos de atuação no mercado.

 

O Bolsa Agro também fornece notícias, informações e cotações agrícolas para os usuários. O aplicativo está disponível nas lojas Apple Store ou Google Play.

 

Confira o vídeo do Bolsa Agro!

 

Últimos Posts